sexta-feira, 10 de agosto de 2018

Eleição 2018: Primeiro debate entre presidenciáveis

Em um primeiro debate morno, promovido pela Bandeirantes, os candidatos à Presidência evitaram, com algumas exceções, ataques diretos e trazer temas polêmicos à tona na noite desta quinta (9). Presidenciáveis como Geraldo Alckmin (PSDB) e Ciro Gomes (PDT) não foram confrontados com seus pontos fracos, como o escândalo da Dersa, no caso do ex-governador de São Paulo, ou o temperamento explosivo do ex-governador do Ceará.

A ausência de Lula, preso em Curitiba por corrupção e lavagem de dinheiro, contribuiu para um embate menos caloroso. Nesse cenário, Guilherme Boulos, do PSOL, tentou assumir o papel de porta-voz da esquerda e se apresentou como "do partido de Marielle Franco", vereadora assassinada no Rio de Janeiro em março.

Foi ele, inclusive, que protagonizou um dos únicos confrontos em que o tom das acusações se elevou. Boulos questionou Jair Bolsonaro (PSL) sobre a funcionária de seu gabinete Walderice Santos da Conceição, que, segundo mostrou a Folha de S. Paulo, trabalha num comércio de açaí em Angra dos Reis, onde o deputado federal tem uma casa.

"Quando a Folha de S.Paulo foi lá, ela estava de férias. Ela é essa senhora, humilde, trabalhadora", disse Bolsonaro.

Ao ser questionado por Boulos se ele não tinha vergonha de manter uma "funcionária fantasma" e de ter auxílio moradia da Câmara mesmo tendo imóvel em Brasília, Bolsonaro respondeu que teria vergonha se "tivesse invadindo as casas dos outros", numa provocação ao líder do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto).

"E não vim pra cá bater boca com um cidadão desqualificado como esse aí", completou Bolsonaro, encerrando sua fala antes do tempo.

Além de Boulos, o Cabo Daciolo (Patriota) também destoou do clima mais ameno, atirando sobre praticamente todos os opositores.

Dos 13 candidatos à Presidência definidos nas convenções, apenas oito participaram do debate: além de Bolsonaro, Alckmin, Ciro, Boulos e Daciolo, foram convidados Marina Silva (Rede), Álvaro Dias (Podemos) e Henrique Meirelles (MDB).

Todos se enquadram na determinação da lei eleitoral de que devem ser convidados candidatos de partidos ou coligações que tenham pelo menos cinco congressistas.

O outro seria Lula. O PT chegou a pedir à Justiça que ele fosse autorizado a participar via videoconferência. Com o pedido negado, o partido resolveu fazer um debate paralelo, com o vice e potencial titular da chapa, Fernando Haddad.

O ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) foi o mais demandado pelos opositores mais bem posicionados nas pesquisas de intenção de voto, que evitaram Bolsonaro. Marina, por exemplo, pressionou o ex-governador de São Paulo por sua aliança com o chamado "centrão" (DEM, PP, PR, PRB e SD).

"O sr. diz que é candidato à Presidência porque quer mudar o Brasil. No entanto, fez aliança com o centrão, que é a base de sustentação do governo Temer. [...] O sr. acha que isso é fazer mudança?", questionou a candidata da Rede.

Ciro, por sua vez, disse que a reforma trabalhista, defendida no debate por Alckmin como "necessária", "foi um erro" e "introduziu muita insegurança" no país. "Essa selvageria nunca fez nenhum país do mundo prosperar", afirmou o candidato do PDT.

Questionado em temas como violência contra a mulher e segurança pública, Bolsonaro manteve posições como a defesa da castração química para estupradores e um referendo para facilitar a venda de armas aos "cidadãos de bem".

"A violência só cresce no Brasil devido a uma equivocada política de direitos humanos. [...] O cidadão de bem, esse foi desarmado. O bandido continua bem armado."

Alvaro Dias foi um dos que mais tratou do tema da Lava Jato, dizendo que a operação "deve ser institucionalizada" como política de combate à corrupção, e citando novamente o juiz Sergio Moro como seu futuro ministro da Justiça.

Segundo a assessoria da Bandeirantes, o debate teve pico de 7,5 pontos de audiência, segundo o Ibope, e média de 6,1 pontos na Grande São Paulo. Cada ponto representa 71.855 casas ou 201.061 telespectadores. 

26 comentários:

  1. QUEM PERDERAS TEMPO POR ISSO SAO OS MESMOS BLA BLAS VAO FAZER ACONTECER PRINCIPALMENTE OS QUE ESTAO DO LADO DE TEMER E AGORA SO DEUS E E SERA POR NOS

    ResponderExcluir
  2. quero ver eles fazerem um projeto de lei e cumprir, tirando a ciranda salarial de políticos e servidores da justiça que são altos marajás e ainda querem mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nenhum político fará isso, afinal você iria estar disposto a morrer por isso? Só quem pode cobrar e exigir coisas assim é todo o povo unido- coisa muito difícil de acontecer

      Excluir
  3. BOLSONARO NELESSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bolsonaro é o pior candidato que já ví. Ele é totalmente louco. Percebe-se isso no olhar, no falar, como se comporta. É preciso ser muito inocente pra não perceber isso.

      Excluir
  4. Assisti e gostei do debate, aprendi algumas coisas e cada vez mais me convenço quão louco é o candidato Jair Bolsonaro, além de louco ele é mentiroso porque diz que vai fazer lei pra isso e pra aquilo,onde um presidente não teria poder pra tanto. Dos candidatos só votaria em Marina(pra mim a melhor), Ciro, Cabo aciolo(devido a sua postura enquanto político) e se não tivesse jeito o Lula. Agora pessoal, pelo amor de Deus o Bolsonaro é louco, se ele ganhar o Brasil estará perdido!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É o único candidato que não é corrupto, preza pelo direito da familia, é contra o aborto, nao alisa bandido, é cristão e fala a verdade doa a quem doer, portanto BOLSONARO 2018!

      Excluir
    2. No inicio da leitura já não tinha dúvidas que você é um Lulanático!

      Excluir
    3. Prefiro um pouco honesto,que um bonzinho ladrao#ficaadica

      Excluir
    4. A Marina é a melhor candidata porque pelo que ela apresenta tem as melhores ideias. Agora quem tem tem um bom raciocínio já viu que o Bolsonaro não tem preparo nem sanidade mental. Ele diz que é cristão- mas na verdade é católico( declarou isso na entrevista do pânico) Disse que é honesto, mas como visto no debate tem uma funcionária fantasma e recebia auxílio moradia mesmo tendo residência.

      Excluir
    5. Vc é tão informado q ñ sabe nem oq é ser cristão.E tbm quer mudanças votando sempre em partidos de esquerda, q só sabem levar miséria ao mundo,passe a se informar e analizar melhor os seus candidatos.

      Excluir
  5. Alckmim e todos os partidos que fez coligação com ele apoiaram a reforma trabalhista , são todos contra os trabalhadores e apoiadores de Temer,o vampiro aloprado.

    ResponderExcluir
  6. Bolsonaro quase foi exonerado por atos ilícitos!kkkkk maior bandidao e paga de honestokkkk. Pagou para ser arquivado o caso!!! Kkkkk. Não sabe nada. É burro! Kkkk. Fala que é honesto kkkkk. Hilario. Matou um monte de gente.kkkkkk burro. Kkkkk. Não entente de política. Kkkk quase foi preso. Kkkkk sentiu na pele. Kkkkk já pensou o exterminador preso? Kkkk iria usar salto alto. Kkkk de Baton. Kkkkk ia dar a bunda e ser decapitado. Kkkkk. Não vai ganhar. Kkkkk vai passar vergonha. Kkkk burro. Kkkkk honestidade é dever e não orgulho.

    ResponderExcluir
  7. Bolsonaro 2018 porra.

    ResponderExcluir
  8. Alckmim contra os trabalhadores e ladrão da merenda escolar votem nele e verás

    ResponderExcluir
  9. O Lula não foi ao debate devido a um compromisso importante, é que no exato momento ele estava em cadeia nacional.

    ResponderExcluir
  10. Senti o Lula um pouco preso neste debate. Vocês nao acharam?

    ResponderExcluir
  11. Bolsonaro 2018. Precisamos de segurança pública. Respeito de volta a escola, escola não pode ser porta e bandido. Precisamos desburocratizar as empresas, os serviços básicos...

    ResponderExcluir
  12. MARINA É A MELHOR, NÃO TEM OUTRO PRESIDENTE! MARINA É A MELHOR, NÃO TEM OUTRO PRESIDENTE! MARINA É A MELHOR, NÃO TEM OUTRO PRESIDENTE! MARINA É A MELHOR, NÃO TEM OUTRO PRESIDENTE! MARINA É A MELHOR, NÃO TEM OUTRO PRESIDENTE! MARINA É A MELHOR, NÃO TEM OUTRO PRESIDENTE! MARINA É A MELHOR, NÃO TEM OUTRO PRESIDENTE! MARINA É A MELHOR, NÃO TEM OUTRO PRESIDENTE! MARINA É A MELHOR, NÃO TEM OUTRO PRESIDENTE! MARINA É A MELHOR, NÃO TEM OUTRO PRESIDENTE! MARINA É A MELHOR, NÃO TEM OUTRO PRESIDENTE!

    ResponderExcluir
  13. Não tem ninguém para assumir só tem ladrão o cara pode ser onesto mais entrou para política já passe ser disparado o certo e ninguém aparecerno dia de voltar

    ResponderExcluir
  14. Quero ver se o presidente e bom mesmo se criar uma lei para mandar fuzilar todos os bandidos há esquercir não vão poder criar porque senão ia ter quer fuzilar eles mesmos bando de vagabundo o povo e descarado por deus ninguém se apaixonar mais por políticos discarado

    ResponderExcluir
  15. ESSE MILITAR RADICAL, DOENTE MENTAL, ESSE VERME CHAMADO BOLSONÁRO, O POVO BRASILEIRO NÃO TEM QUE DAR UM ÚNICO VOTO A ELE, VÇS VIRAM O DESASTRE AO QUAL JÁ ESTAVA MUITO CLARO QUANDO TIRARAM A DILMA E PERSEGUIRAM O LULA MESMO SEM CRIME ALGUM PRATICADO POR AMBOS, ENQUANTO O MARGINAL DO ALKMIN NO DEBATE ACUSOU TEMER DE TUDO QUE ESTÁ AÍ ESQUECENDO QUE ELE E O PSDB QUE PLANEJOU TUDO ISSO PARA DAR O GOLPE E TOMAR O PODER. RESULTADO,FORAM CHAMADOS DE SEM VERGONHAS JUNTO COM O TAL BOLSANARO FOI CHAMADO AO VIVO E NO AR PARA O BRASIL INTEIRO OUVIR E ABRIR OS OLHOS. A RESPOSTA ESTÁ AÍ, CABE AO POVO TOMAR CONSCIÊNCIA QUE POLÍTICO NÃO É TIME DE FUTEBOL PRA FICAR VESTINDO CAMISA DELE, ACORDA POVO.

    ResponderExcluir
  16. Eu fico chocado quando dizem que Bolsonaro eh louco ou desqualificado. Um homem que foi aprovado no concurso da AMAN, uma das provas mais concorridas do pais. A vida boa dos malas vai acabar, por bem ou por mal

    ResponderExcluir