quarta-feira, 30 de maio de 2018

Detento é morto a tiros ao deixar o presídio de Eunápolis

Um detento foi assassinado na manhã desta quarta-feira (30), poucos minutos após sair do presídio de Eunápolis, onde cumpria pena por tentativa de homicídio. José Roberto Oliveira Silva Júnior, idade ainda não confirmada, seguia em uma moto com a mulher pela estrada que liga o conjunto penal à Avenida Alcides Lacerda, quando foi interceptado por bandidos que estavam em um carro branco. Atingido no rosto e no braço, ele ainda tentou correr para um matagal, mas não resistiu, conforme informações do Samu. A mulher não ficou ferida. 

Segundo a polícia, José Roberto foi beneficiado pela saída provisória de Corpus Christi. Ao lado do corpo, foram encontrados estojos de espingarda calibre 12. Um familiar afirmou que José Roberto estava preso já há alguns anos. "Nesta quarta, após ser beneficiado por um alvará de soltura, ele foi liberado para cumprir o restante da pena em liberdade", declarou. A polícia vai abrir um inquérito para apurar o crime, mas, até o momento, não identificou nenhum suspeito. *Com informações do Radar 64

Um comentário:

  1. O cara cometeu uma tentativa de homicídio, foi preso, mas não pensou na hora de atirar, se a vítima tinha parentes ou amigos.
    Agora virou moda os assassinos ou bandidos morrerem na saída da cadeia. Dependendo do crime que o elemento cometeu, sempre vai ter alguém pra se vingar com a mesma moeda. Isso é um aviso aos que gostam tocar o terror ou matar covardemente inocentes. Quando vão presos, a cadeia é muito pouco pras esses assassinos. Sempre tem alguém da família ou amigos das vítimas acompanhando os inquéritos aqui fora. Sabem o dia e a hora que o assassino vai sair da cadeia. "É olho por olho e dente por dente". Ultimamente estão morrendo mais elementos envolvidos com drogas ou com passagens na polícia. Isso mostra o quanto a vida de bandido é curta e Graças a Deus por isso.

    ResponderExcluir